Entrevista com o apresentador Gilberto Romano

Gilberto Romano, radialista, apresentador de TV, professor universitário, advogado.

Canal Folia: Gilberto Romano é um profissional multifuncional, cinco graduações, terminando a sexta. O que fez Gilberto buscar tantas formações?
Gilberto Romano: Adoro estudar, cada minha formação acaba completando a outra e com o mercado de trabalho tão difícil, é necessário você ampliar os conhecimentos.
Canal Folia: Como foi seu início na área da comunicação social?
Gilberto Romano: Em 1997 quando fui convidado a ser colunista do site Axeweb com a coluna Bola da Vez que trazia notícias sobre lançamentos de músicas, atrações de blocos, festas, o que rolava de novidade.
Canal Folia: Você já foi dono de bloco e bandas, o que fez desistir deste ramo?
Gilberto Romano: Sinceramente foi decepção e desânimo. Na época que eu tive bloco era uma guerra pra você conseguir ter uma vaga na Barra, e por ser bloco novo era difícil de se ter patrocinadores.
Canal Folia:E sua carreira na TV como tudo começou?
Gilberto Romano: Em 2015 eu fui convidado por Almir Santana e Léo Bala para apresentar um quadro chamado Dica do Mestre no programa De Olho na Cidade apresentado por Almir na TV Baiana. O quadro foi ao ar durante cinco meses quando começou a chocar horários de gravação com meus horários de aula (porque eu também sou professor).
Canal Folia: É importante a gente lembrar que você teve passagem por rádio. Como foi a experiência e porque trocou a rádio pela TV?
Gilberto Romano: Na rádio eu recebi o convite em 2015 do apresentador Magno Lavigne para apresentar quadros de educação no programa A voz do trabalhador. Então eu apresentei quadros de educação na Vida Nova FM, na Tudo FM, Rádio Excelsior e na Rádio Joia.
Canal Folia: Falando em Rádio Joia, qual foi o real motivo de sua saída de lá?
Gilberto Romano: Primeiramente quero deixar claro que não troquei a rádio pela TV, sai da Joia porque as gravações do programa da TV tornaram-se mais frequentes e eu ainda dava aulas, sou estudante também, então única e exclusivamente o motivo da saída foi por falta de tempo, só isso. Se hoje o Som de Papo existe é porque ele teve um começo, e este início se deu na Rádio Joia, graças a Magno Lavigne e Diego Coscoba, pessoas que sou eternamente grato.
Canal Folia: Você já se sentiu traído, decepcionado com alguém neste período que está com um programa na TV?
Gilberto Romano: Eu diria que confiei em alguns momentos em pessoas que se diziam parceiros, amigos e na realidade por trás você via que não era nada do que pensava, mas eu digo sempre “a vida é um constante aprendizado”
Canal Folia: Recentemente você adquiriu o Portal CANAL FOLIA. Como está sendo esta nova experiência de ser diretor geral do portal? E o que vem de novidades?
Gilberto Romano: Muito gratificante. Eu sempre admirei muito o trabalho desenvolvido por Kall e sua equipe e espero poder continuar dando sequência ao nome que o Canal Folia tem no mercado brasileiro. De novidades teremos um novo layout, passamos a ter uma agenda Cultural divulgada no Instagram também, não só de shows daqui de Salvador mas de todo o Brasil, de todos os estilos, das bandas de pequeno a grande porte.
Canal Folia: Quanto ao programa Som de Papo, quais as novidades que virão?
Gilberto Romano: Estreia de um novo quadro Game das Palavras e as estreias dos apresentadores Lukas e Rapha (vocalistas da Tio Barnabé) no comando do Game Fã e de meu broder Marcus Silva no comando do Game Musical.
Canal Folia: É verdade que o programa e/ou o apresentador Gilberto Romano foi cogitado para ir pra outra emissora?
Gilberto Romano: Formalmente não
Canal Folia: Há possibilidade de termos o programa Som de Papo também em alguma rádio?
Gilberto Romano: Sim, só falta sermos convidados (risos)
Canal Folia: Para finalizar nossa entrevista, Gilberto Romano sempre fala em ser agradecido, grato a algumas pessoas. A quem você é grato?
Gilberto Romano: Primeiramente, sou grato a Deus pelo dom, força e garra de nunca parar. Segundo, sou grato às pessoas que abriram portas pra mim: Eduardo Farina (em 1997, dono do Axeweb), Aos dirigentes dos blocos que fui diretor social, a Cloves Dragone (Revista Exclusiva), Viviane Nonato, Almir Santana, Léo Bala, Jucielio (diretor da TV Baiana), Magno Lavigne e Diego Coscoba (Rádio Joia), Luis Fernando (TV Com), Fernando Cleto (diretor da CNT Bahia), meus queridos amigos Dirceu Factum, Doris Pinheiro por confiarem no meu trabalho no Kiriefolia na TV Kirimurê e a todos que acreditam no programa Som de Papo.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*