Como encontrar motivação durante os estudos?

Por Marcus Peralva

Eis que um novo semestre se iniciou mês passado, mas com certeza, você como eu ainda deve estar preso em 2019.1, talvez se sentindo até pouco desmotivado para enfrentar as atividades estudantis/ trabalhistas, dentre outras que chegam com o novo semestre, e para discutir isso que a nossa coluna de Literatura deste domingo se atém a este tema.
Em primeiro lugar devemos pensar que o hábito da leitura é fundamental para adquirirmos novos conhecimentos e/ou reafirmarmos conhecimentos já esquecidos ou pouco utilizados em nosso dia a dia, portanto, este deve ser um hábito diário do nosso dia a dia, mas ai vem a grande pergunta, como conseguir ânimo para o simples hábito da leitura?
Uma primeira dica é você começar lendo algo do seu interesse. Imagine que você tem uma série de textos do colégio e/ou da faculdade para ler, mas esta sem animo para se quer começar a lê-los. A técnica que eu utilizo para poder “criar coragem” é pegar algo que eu curta ler (normalmente mangá) e pare a leitura em algum ponto que estimule minha curiosidade para continuar lendo o texto. Após isto mudo para aquele material que eu não estou afim de ler e normalmente o leio por uns 10 minutos, antes de votar a ler o texto do meu interesse, repetindo o ciclo.
Um fato interessante é que as vezes nos criamos um bloqueio a leitura de um dado material, mas ao começarmos a lê-lo, algo no texto pode nos chamar o interesse para continuar a leitura. Nestes casos, eu particularmente continuo a leitura até chegar em um novo ponto do texto que não desperte mais meu interesse, começando a leitura outro material.
Um erro comum que cometemos é acreditar que ao iniciarmos uma determinada atividade devemos finalizá-la no mesmo instante e/ou no mesmo dia. Isto não necessariamente deve ser realizado, a não ser que se trate de algum trabalho cuja a data limite para a realização seja aquele dia em que você enfim decidiu ler o material. Aí temos a clássica situação da procrastinação… empurrar ao máximo uma atividade que você poderia ter realizado com bastante antecedência e só executá-la no ultimo momento (correndo-se o risco de não conseguir concretizá-la ou realiza-la de uma forma mal feita).
Uma segunda dica é você não se deixar distrair com as redes sociais (algo muito comum na atualidade). Quantas vezes durante o trabalho, ou durante a aula você deixou de prestar a atenção em um dado documento ou em informações em que lhe estavam sendo passada por alguém, para ver quem te curtiu no Instagram, ou ver uma nova postagem no Facebook, dentre outras mídias? Hoje o vício pelas redes sociais é algo real, mas você já pensou em colocar o seu celular no modo avião nestes tipos de situações, que requerem sua atenção, a fim de você obter uma maior concentração aos estudos e trabalho? Talvez seja algo difícil, mas que tal tentar por 10 minutos no primeiro dia e ir aumentando gradativamente nos dias seguintes?
Um terceiro aspecto é mantermos a humildade e a paciência. Se sabemos que temos algo para ler que requer tempo, para que se desesperar em querer ler o material em um único dia? Este é um erro bastante comum entre os estudantes de colégio e faculdade, os quais pensam que em uma manhã, tarde e/ou noite consegue dá conta da leitura de um livro (grave erro…). Muitas vezes por querer terminar logo uma leitura, você acaba pulando algumas partes do texto, os quais podem ser essenciais para a compreensão do seu contexto. Quem já não fez isso e ao chegar ao final do texto disse para você mesmo “Não entendi porra nenhuma disto daqui”… por isso sejamos humildes, façamos a leitura de pouco em pouco e sejamos paciente, pois a leitura as pressas dificulta o entendimento do material.

FONTE DA IMAGEM:
www.xerpa.com.br/blog/o-que-e-motivacao-organizacoes/

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*