LANÇAMENTO DO LIVRO “EU NÃO SOU GABRIELA” EM SALVADOR

 

O baiano e educador financeiro, Max Coelho, é coordenador da organização não governamental “Programa Providência” e orienta pessoas de baixa renda em situação financeira de alta vulnerabilidade 

O educador financeiro Max Coelho, vai lançar nesta sexta-feira (12) a cartilha “Não Sou Gabriela” (NSG), na Qattro Gastronomia e Cultura, Rua Fonte do Boi, Rio Vermelho.Trata-se de uma ferramenta para um curso de formação presencial de educação financeira adaptado às necessidades de pessoas em situação de vulnerabilidade. “A princípio essa cartilha foi testada e validada junto a um público beneficiário de projetos sociais executados pela organização não governamental “Programa Providência” (www.programaprovidencia.org.br), na região de Lago Azul, Novo Gama/GO, como microempreendedoras, donas de casa e idosos, e que visa promover a revisão de hábitos financeiros e estimular a poupança. Em breve lançaremos e aplicaremos o projeto na Bahia”, explica Max. 

Pessoas em situação de vulnerabilidade, sobretudo, são mulheres, jovens e idosos de baixa renda ou com baixo acesso a informações sobre educação financeira que enfrentam desafios como insuficientes reservas financeiras para enfrentar momentos de incertezas, baixo acesso a mecanismos de prevenção para proteger o negócio e a família, além de insuficiente compreensão das oportunidades e riscos envolvidos na contratação de produtos e serviços financeiros. Estes desafios implicam em uma alta e persistente vulnerabilidade dessas pessoas ao superendividamento e inadimplência.

A cartilha NSG busca a superação desses desafios por meio de atividades de sensibilização, diagnóstico e análise do comportamento financeiro dos usuários, plano de poupança para a conquista de reservas e acesso a informações sobre o sistema financeiro e previdenciário, contribuindo para o empoderamento das pessoas residentes em regiões de elevada vulnerabilidade.

Os principais resultados alcançados pelo curso de educação financeira NSG, medidos por indicadores de monitoramento e avaliação são adoção de hábitos regulares de poupar em instituições financeiras, uso responsável de serviços e produtos financeiros, inclusão financeira mais sustentável, melhor planejamento dos recursos disponíveis, tomada de decisões mais equilibradas, menor endividamento e redução da inadimplência, consumo mais consciente e maior acesso a mecanismos de prevenção e proteção para o negócio e a família (poupança, formalização e previdência).

 

Serviço:

Data: 12 de janeiro de 2018.

Horário: 18h30min

Local: Qattro Gastronomia e Cultura, Rua Fonte do Boi, Rio Vermelho.

Entrada Franca

Compartilhe essa postagem

Sem comentários

Acrescente o seu